sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Olhos postos na janelinha

O voo partiu, eu cansada, sem saber para onde me virar, pequei no livro e continuei a leitura!
Eram apenas 2h30!

Depois de 10 minutos no ar, levanto os olhos do livro e..
Olho pela janela, aproximavamo-nos dos Alpes!
Tirou-me o folgo,
Aquelas montanhas, aquele branco!
Apetecia-me esquiar!

Queria tirar fotos, mas não tinha a câmera
NNNÃÃÃÃÃÃOOOOOOooooo....
Tirei o cinto rápido e levanto-me, a hospedeira pede-me para que me sente!
‘Bem demais sabia eu que devia estar sentada!’

Bem, se não posso, não tiro os olhos desta janela!
Deslubrada!
Que dimensão, ali mesmo em baixo!
Fez lembrar-me a viagem que se fazia de Porto Santo à Madeira naquele aviãozinho com uns 15 lugares que quase tocávamos com a mão na água!
As montanhas estavam mesmo ali, queria tocar na neve..

Terminaram as montanhas, o brilhinho nos meus olhos foi-se, voltei à leitura!
Provei o que davam!
Estava óptimo!*
Terminei o livro quase quase a chegar a Montevideo!

Chegámos, e o tempo esta limpo, foi mais uma vez o relembrar, o olhar e fixar o olhar naquela janela, naquela cidade que há uns meses me recebeu de braços abertos!
Ali estava, mais fresquinha, mais disperta!
E à semelhança do nosso Portugal, a aguardar o resultado de mais umas eleições!..

Sem comentários:

Enviar um comentário